Cidade do Vaticano

Selecione as datas para conferir as atividades disponíveis

O que é a Cidade do Vaticano?

Cidade do Vaticano: todo mundo já ouviu falar, mas o que é exatamente? É parte de Roma? É independente? Somente o clérigo pode entrar? São muitos os mistérios e equívocos envolvendo a Cidade do Vaticano. Confira 5 fatos fascinantes sobre este local.

  • O menor país do mundo

    1. O menor país do mundo

    Com uma pequena população de 842 pessoas e área de 0,44 km² (cerca de um oitavo do Central Park de Nova Iorque), a Cidade do Vaticano é o menor Estado-nação independente do mundo.

  • Uma economia sem comércio ou impostos

    2. Uma economia sem comércio ou impostos

    Por ser uma economia totalmente não-comercial, todo a renda da Cidade do Vaticano vem de doações, da bilheteria dos museus e da venda de selos postais, livros e souvenirs para turistas.

  • Uma verdadeira joia cultural

    3. Uma verdadeira joia cultural

    Contando com os famosos Museus Vaticanos, Capela Sistina e Basílica de São Pedro, a Cidade do Vaticano é um destino turístico popular, atraindo mais de 4 milhões de visitantes por ano.

  • Um túnel de fuga secreto para o papa

    4. Um túnel de fuga secreto para o papa

    Em 1277, uma passagem secreta foi construída entre a Cidade do Vaticano e o Castelo de Santo Ângelo na proximidade, formando uma rota de fuga para o papa caso a cidade fosse atacada.

  • Eles não são arlequins!

    5. Eles não são arlequins!

    Os homens com roupas coloridas na frente das entradas da cidade são os famosos guardas suíços. Ex-mercenários, eles compõem agora o exército permanente da Cidade do Vaticano.

Organize sua visita

  • Melhor época do ano para visitar

    Apesar de a Cidade do Vaticano ser extremamente popular entre os turistas durante todo o ano, se você está procurando uma visita mais calma, melhor apostar na baixa temporada, de novembro a fevereiro.

  • Aproveite seu tempo

    Há muita coisa para visitar na Cidade do Vaticano, portanto certifique-se de ter tempo suficiente. Observe que, se você quiser ver a Capela Sistina, é necessário acessar os Museus Vaticanos antes das 15h. Assim, você poderá visitar a Capela antes de seu fechamento.

  • Devo reservar uma excursão?

    Embora haja mais do que o suficiente para ver como visitante individual, aqueles que desejam saber mais sobre a rica história da Cidade do Vaticano podem aproveitar melhor a visita com uma das excelentes excursões disponíveis. Há excursões compartilhadas ou particulares. Essas últimas devem ser reservadas com antecedência.

  • Veja o papa

    É improvável encontrar o papa por acaso em sua visita à Cidade do Vaticano. No entanto, toda quarta-feira durante o verão, o papa realiza uma audiência pública na Praça de São Pedro, e no Salão de Audiências no inverno. A audiência começa às 10h30, mas a maioria dos visitantes chega mais cedo para garantir um bom lugar. A abertura é entre 8h e 8h30.

Informações Úteis

  • Quando visitar?
    365 dias por ano!
  • Quanto custa?
    Gratuito se visto por fora. O preço dos ingressos varia.
  • É necessário guia?
    Não é obrigatório, mas recomendável.
  • Como chegar
    Táxi, ônibus, metrô, bonde ou a pé de Roma. Confira aqui para instruções detalhadas.
  • Mais dicas

    • Não é permitida a entrada de bolsas de grande porte nos museus, traga pouca coisa.

    • Geralmente não há ar condicionado nos museus. Vista-se adequadamente e traga uma garrafa d'água.

Cidade do Vaticano: Avaliações de outros visitantes

Avaliação geral

4.4 / 5

Com base em 123 966 avaliações

Um local encantador e mágico, com séculos de histórias que mudaram o rumo do mundo! Muito bom! Pena não haver visitas em português, uma falha incompreensível, tendo em conta que o português é uma das línguas mais faladas do mundo. Para que se perceba, este grupo tinha 15 pessoas que falavam português e apenas 5 falavam espanhol. Esta visita com guia em português mereceria nota 5!

O guia, Luis, era brasileiro e entendia muito de história, religião e arte. O passeio foi uma experiência muito rica com base em toda informação que ele ia nos passando, muito melhor que visitar os museus por conta própria.

local de encontro muito bom, banheiros, pessoal prestativo, guia Claudia excelente nota 1000, adorei, minha família também. estão de parabéns

A Guia Mercedes foi ótima, tem carisma e conhece muito. O tempo dentro do total é curto, mas recomendo pelo conhecimento da guia

Ótima experiência, lugar muito bonito. Mas lá podemos ver o quanto a igreja católica é rica e usa o ouro para ostentação.